Blog do Pannunzio

Dilma e Lula na mira da oposição

PSDB, PPS e DEM protocolaram hoje no Tribunal Superior Eleitoral uma representação contra a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, e o presidente Lula. As legendas acusam os políticos de propaganda eleitoral antecipada.

A oposição cobra explicações dos dois sobre os gastos da viagem feita para visita do Vale São Francisco e das Obras de Transposição do Rio, na última semana, e reiteram que apenas a partir de 5 de julho de 2010 é permitido qualquer tipo de campanha visando as eleições de outubro.

“Houve propaganda do primeiro em prol do segundo”, alega a representação ao se referir ao presidente e à ministra. O material ainda coloca que a propaganda eleitoral é facilmente percebida quando Lula se refere à Dilma como “minha candidata” e “mãe do PAC”.

Os oposicionistas exigem o pagamento de uma multa que pode variar de R$ 5 mil a R$ 25 mil e se embasam em declarações do presidente do STF, ministro Gilmar Mendes, que,  em depoimento à imprensa afirmou que “o que está acontecendo é campanha antecipada para 2010 e é tipo um vale-tudo”. O ministro também teria colocado: “Pelas descrições da mídia, fazendo sorteios, festas e cantores. Isso é modo de fiscalizar uma obra?”.

No requerimento, a oposição pede que Dilma e Lula apresentem defesa em um prazo de 48 horas. Caso nenhuma declaração seja feita, os partidos pedem aprecição do caso pelo Ministério Público Eleitoral.

Comentários

Related posts

Para Demóstenes Torres, afastamento de Sarney é possível

Como pré-candidata, Dilma Rousseff reformula discurso sobre sua fé

Destaques dos jornais de hoje – Jornal do Brasil

Leave a Comment