Blog do Pannunzio

Collor afirma que restaram US$ 52 milhões dos recursos arrecadados por PC Farias na campanha de 1989

Há 20 anos, Fernando Collor era eleito como o mais novo presidente do Brasil e o primeiro, pelo voto popular, após o regime militar. O que o tirou do poder não era novo, e continua escandalosamente atual, como mostrao mensalão que ameaça o mandato do governador José Roberto Arruda , no Distrito Federal. Hoje senador pelo PTB, Collor admite que seu tesoureiro em 1989, PC Farias, recolheu o suficiente para acumular sobras de US$ 52 milhões.

O maior erro político, o confisco da poupança, a ameaça de suicídio, o arrependimento de ter pedido a população para se vestir de verde e amarelo, de tudo Collor fala em entrevista exclusiva a Geneton Moraes Neto, que vai ao ar neste sábado no programa “Dossiê Globonews”, às 19h05m, com reprises no domingo (17h), na segunda (19h) e na terça (11h).

Clique aqui para ler a íntegra no site de O Globo

Comentários

Related posts

Sarney abre processo contra Agaciel e Zogbhi

Fábio Pannunzio

PT desafia TSE e mantém Dilma na TV

Vai começar a entrevista de Lula no Ratinho.

Leave a Comment