Blog do Pannunzio

Destaques dos jornais de hoje – Valor Ecônomico

Cartão é arma do Itaú para chegar à classe C
O Itaú Unibanco está utilizando o cartão de crédito como principal instrumento para chegar à classe C e assegurar a presença em um mercado onde seus principais concorrentes, Bradesco e Banco do Brasil, mostram-se agressivos. O Itaú concluiu que, quando se trata de atender ao público de menor renda, a abordagem ostensiva não é a mais adequada. Por essa razão, fechou a financeira Taií e as lojas de rua da Fininvest, herdadas do Unibanco, que atendiam os não correntistas, um total de 470 pontos de atendimento.
Estar presente no ponto de consumo por meio de parcerias com varejistas, estimulando o uso do cartão, mostrou-se mais eficiente. Diferentemente da conta corrente tradicional que necessita de uma estrutura de rede de agências com custo fixo elevado, o cartão chega de forma mais fácil à classe C, com renda entre R$ 1 mil e R$ 2 mil. Permite ainda um relacionamento mais próximo e conhecimento do histórico de consumo do não-correntista, que o crédito pessoal não fornece. “Como é uma operação muito flexível e de custo operacional mais baixo, tem potencial muito grande para fazer transação e concessão de crédito”, diz Roberto Setubal, presidente do Itaú Unibanco. (págs. 1 e C1)

Compra da Volvo por US$ 1,8 bi põe grupo Chinês Geely entre os grandes (págs. 1 e B13)

Siemens aposta em tecnologias ambientais para crescer, diz o CEO mundial, Peter Lörscher (págs. 1 e B10)

Copa verde
Obras para a Copa do Mundo de 2014 terão de cumprir padrões de sustentabilidade. “Queremos organizar a Copa mais verde da história”, diz o ministro dos Esportes, Orlando Silva. (págs. 1 e A2)

Economia real do jogo virtual
Empresas de tecnologia descobrem nos “jogos sociais”, disponíveis em sites de relacionamento, uma nova fonte de receita. Estimativas apontam que esse segmento deverá movimentar US$ 2 bilhões em 2012. (págs. 1 e B2)

O chefão das montadoras
Presidente da Fiat no Brasil desde 2004 e no comando do grupo na América Latina há 5 anos, Cledorvino Belini, que também é um dos 12 membros do “board” internacional, assume a Anfavea no fim de abril. (págs. 1 e B11)

Nortox quer fim de sobretaxa
A paranaense, Nortox, maior produtora nacional de agrotóxicos, tenta derrubar a sobretaxa cobrada na importação de glifosato chinês, matéria-prima para a produção de herbicidas. (págs. 1 e Bl5)

Verticalização no MT
Atraídas pela matéria-prima farta e de qualidade, empresas de tecelegam e fiação investem no Mato Grosso – maior produtor de algodão do país há quase um década. (págs. 1 e B16)

Seguro chega às favelas
Depois dos seguros massificados, as apólices residenciais chegam à baixa renda. O Bradesco já está oferecendo o produto nas favelas de Heliópolis, em São Paulo, e da Rocinha, no Rio. (págs. 1 e C3)

Sem fronteiras
Passado o pior momento da crise internacional, fundos multimercados começam a explorar a possibilidade de investir parte de seu patrimônio no mercado externo. (págs. 1 e D1)

Trimestre do minério de ferro
Ao contrário do que se esperava no início do ano, as ações de empresas voltadas ao consumo interno não brilharam. Siderurgia e mineração têm os melhores retornos até agora. (págs. 1 e D2)

Subscrição da Braskem
A uma semana do prazo para adesão dos minoritários ao aumento de capital da Braskem, preço das ações abaixo do estipulado na operação desestimula subscrições. (págs. 1 e D5)

Foco logístico
Em meio à crise, necessidade de ganhar eficiência e reduzir custos trouxe uma revalorização dos profissionais da área de logística, e com melhores postos e salários. (págs. 1 e D10)

Ideias
Miguel Jorge: retaliação cruzada contra os EUA pode abrir nova fase de respeito às decisões da OMC. (págs. 1 e A12)

Ideias
Pedro Cavalcanti e Renato Frageli: câmbio desvalorizado não garante desenvolvimento econômico. (págs. 1 e 13)

Comentários

Related posts

Caso Battisti: ainda não há decisão do STF pela extradição

Fábio Pannunzio

Aliança dá a Dilma tempo na TV 48% maior que o de Serra

O twitter #arrudanapapuda

Fábio Pannunzio

Leave a Comment