Blog do Pannunzio

Acusado no caso dos aloprados é preso por desvio

Adriana Mendes

Jailton de Carvalho

A Polícia Federal (PF) prendeu, nesta quarta-feira, durante a Operação Hygeia, o empresário Valdebran Padilha, acusado de envolvimento na compra de um dossiê contra políticos tucanos na eleição de 2006. Outras 21 pessoas foram presas na ação, que investiga um esquema de desvio de recursos federais, principalmente na área de saúde. Entre eles, há 17 servidores públicos.

A operação Hygeia é realizada em cooperação com a Controladoria Geral da União (CGU), que comprovou em auditorias preliminares o desvio de R$ 51 milhões em obras e serviços não executados. Mas, segundo a PF, o valor do prejuízo pode chegar a R$ 200 milhões.

Em 2006, Valdebran Padilha foi preso em um hotel de São Paulo com R$ 1,7 milhão, juntamente com Gedimar Passos. Na época, ele foi acusado de envolvimento na compra de dossiê da máfia das sanguessugas contra políticos do PSDB.

Um dos esquemas envolve a Funasa de MT
De acordo com a PF, estão sendo cumpridos nesta quarta-feira 76 mandados de busca e apreensão e 35 mandados de prisão temporária em Mato Grosso, Rondônia, Goiás, Minas Gerais e Distrito Federal.

A PF informou que as investigações identificaram a existência de três núcleos criminosos distintos e independentes, hierarquicamente estruturados, para o desvio e apropriação de recursos públicos federais.

O primeiro esquema envolve a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) em Mato Grosso. Foi constatado que, mediante o recebimento de vantagens financeiras, servidores públicos lotados em postos estratégicos direcionavam licitações para empresas do núcleo empresarial beneficiado. Em seguida, estes contratos são executados com custos superiores ao valor de mercado para o tipo de serviço, além de serem realizados pagamentos por serviços simulados, ou seja, que não foram efetivamente prestados.

A segunda fraude identificada está relacionada à execução de obras de engenharia realizadas com recursos federais transferidos por meio de convênios a algumas prefeituras do interior de Mato Grosso.

Clique aqui para ler a íntegra no site do O Globo

Comentários

Related posts

Campinas investiga mortes suspeitas

Brasil entrará 2010 em situação de crescimento econômico

Destaques dos jornais de hoje – Valor Econômico

Leave a Comment