Blog do Pannunzio

PT entrará com ação contra PSDB por uso de verba pública em evento evangélico

Tai Nalon

O presidente do PT, José Eduardo Dutra, afirmou nesta segunda-feira (03) que o partido deve entrar ainda hoje com uma representação contra o PSDB por uso de verba pública no encontro religioso que recebeu o pré-candidato tucano à Presidência, José Serra, como convidado de honra, em Santa Catarina.

Conforme revelado na edição desta segunda-feira da Folha, juntos, o governo de Santa Catarina e a Prefeitura de Camboriú (84 km de Florianópolis), ambos administrados por correligionários de Serra, destinaram R$ 540 mil para a realização do 28º Congresso Internacional de Missões –quase dois terços da verba usada pelo evento.

Para Dutra, o dinheiro usado na realização do evento é “dinheiro público desviado de suas funções, portanto irregular”. “Encomendamos um advogado para tratar da questão”, disse.

Questionado sobre se a representação poderia ser uma faca de dois gumes diante do patrocínio de estatais federais nos eventos de 1º de Maio na capital paulista –onde compareceram o presidente Lula com a pré-candidata petista, Dilma Rousseff–, Dutra disse que a diferença é que, no caso de São Paulo, o dinheiro usado era de patrocínio.

“O evento da CUT foi pago com propaganda de estatais que sempre fizeram, sempre mandaram dinheiro de patrocínio. No caso de SC é claramente dinheiro público, de orçamento”, disse.

Clique aqui para ler a íntegra no site da Folha

Comentários

Related posts

Senadores querem demissão de chefe da segurança da Casa

Assessor de Lula vai coordenar campanha de Lula sem sair do governo

Arruda distribuiu panetones milionários no Dia da Mentira

Fábio Pannunzio

Leave a Comment