Blog do Pannunzio

Destaques dos jornais de hoje – O Estado de S. Paulo

Debates Estadão: PSDB e PT prometem ‘ficha limpa’
No primeiro debate promovido pelo Estado em torno da eleição, os presidentes do PSDB, Sérgio Guerra, e do PT, José Eduardo Dutra, se comprometeram a impedir que políticos com “ficha suja” se candidatem por seus partidos. “Aplicamos o ‘ficha-limpa’ desde a fundação do partido”, disse Dutra. Hoje, porém, entre políticos tucanos, 34% têm pendência judicial; entre petistas, são 27%. Guerra acusou o governo de fisiologismo, e Dutra sugeriu que os tucanos não foram
“republicanos” na aprovação da reeleição. (págs. 1 e Nacional A8 e A9)

Comissão da Presidência cobra Tuma Jr.
O secretário nacional de Justiça, Romeu Tuma Júnior, terá de dar explicações oficiais à Presidência sobre seu envolvimento com um dos líderes da máfia chinesa em São Paulo. Ontem, a Comissão de Ética Pública abriu investigação formal sobre o caso e estipulou um prazo de cinco dias para o secretário dar sua versão, por escrito. A comissão, ligada à Presidência, tem o poder de recomendar punições ao secretário, inclusive sua demissão. (págs. 1 e Nacional A4)

CNBB fará guia contra pedofilia
A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil constituiu uma comissão para redigir um guia para o episcopado combater os abusos sexuais praticados por padres. (págs. 1 e Vida A20)

Brown anuncia que deixará o poder
O primeiro-ministro britânico disse ontem que renunciará em setembro. O objetivo é abrir espaço para governo de coalizão e evitar escolha de conservador. (págs. 1 e Internacional A12)

Ao menos 100 morrem em ataques no Iraque (págs. 1 e Internacional A15)

Franceses acham local de acidente do Airbus (págs. 1 e Cidades C3)

SP tem recorde de mortes por dengue (págs. 1 e Vida A24)

MEC muda regras para Sisu e ProUni (págs. 1 e Vida A21)

Dora Kramer: Prognóstico simplista
Ao dizer que não vê “possibilidade” de derrota do PT, Lula perde chance de assumir posição de certa equidistância analítica, que lhe cairia bem. (págs. 1 e Nacional A6)

Notas & Informações: A defesa do euro
Operações de socorro não servem como vacinas contra a irresponsabilidade fiscal. (págs. 1 e A3)

Comentários

Related posts

Collor continua atacado e atacando

Fábio Pannunzio

Máfia desbaratada pela Polícia Federal fraudou provas do Cespe e da Esaf

Destaques dos jornais de hoje – Correio Braziliense

Leave a Comment