Blog do Pannunzio

Destaques dos jornais de hoje – O Estado de S. Paulo

Sindicato vira negócio lucrativo e País abre um por dia
Entidades de fachada atuam como empresas de terceirização de mão de obra

Abrir sindicatos virou um negócio lucrativo no País. A falta de fiscalização sobre o uso do imposto sindical – que arrecada R$ 2 bilhões por ano – estimula a criação de entidades de fachada, informam os repórteres Lu Aiko Otta e Leandro Colon. Na prática, alguns sindicatos funcionam como empresas de terceirização de mão de obra. Só neste ano foram registrados 126 novos sindicatos no Brasil, o que dá uma média de um por dia. Dirigir entidades de fachada passou a ser o meio de vida de gente como Djalma Domingos dos Santos – que comanda um sindicato que faz a intermediação de mão de obra para empresas de agronegócio em Goiás. Os abusos são tão flagrantes que a entidade está sob investigação do Ministério Público do Trabalho. Santos também preside sindicatos de trabalhadores da movimentação de mercadorias em pelo menos cinco cidades. (págs. 1 e Nacional, A4, A6 e A7)

Dilma cresce 7 pontos e alcança Serra
Na primeira pesquisa a captar por completo efeitos da propaganda partidária do PT, Dilma Roussef aparece empatada com José Serra na disputa presidencial. Segundo o Datafolha, ambos te 37% das intenções de voto. Marina Silva tem 12%. (págs. 1 e A9)

Brasil já usa crediário como EUA
O crédito pessoal volta ao consumo disparou no Brasil: passou de 5,1% do PIB em 2002 para 15% em 2009, ou R$ 487,5 bilhões, informa Fernando Dantas. O segmento do mercado de empréstimos, que exclui o crédito imobiliário, já atinge nível próximo do registro nos EUA (17,2% do PIB). (págs. 1 e Economia, B1)

Related posts

Manchetes dos jornais de hoje – O Globo

Destaques dos jornais de hoje – O Globo

Novo salário mínimo será de R$ 545

Bruna Pannunzio

Leave a Comment