Blog do Pannunzio

PSDB aposta em inserções estaduais de Serra na TV para recuperar terreno

Julia Duailibi
Ana Paula Scinocca

O PSDB usará as inserções estaduais do partido no rádio e na TV para turbinar o pré-candidato à Presidência da República, José Serra. O objetivo é conferir ao tucano uma “super exposição midiática” nas próximas semanas, de modo que ele recupere a liderança nas pesquisas em junho.

Além do programa nacional do partido, que será no dia 17 do mês que vem, o PSDB requisitou as inserções de trinta segundos aos diretórios estaduais. A ideia é que nos locais em que não haja pré-candidato ao governo estadual o tempo de rádio e televisão migre integralmente para Serra.

O caso de Pernambuco é o mais emblemático. Como o partido não usou nenhuma das inserções a que tem direito – e como o PSDB também não tem candidato a governador por lá –, Serra aparecerá em 40 filmetes de trinta segundos – a quantidade de inserções varia por Estado.

O tucano também será protagonista de inserções em outros locais, como no Rio Grande do Norte e na Bahia. “Foi uma decisão partidária. Todo Estado sem candidato próprio vai ceder seu tempo a Serra. Trata-se de racionalidade”, disse o líder do PSDB na Câmara, João Almeida (BA). Nos Estados em que há aspirante tucano ao cargo de governador, haverá divisão do tempo. É o caso do Paraná, onde Serra dividirá o tempo com Beto Richa.

Em Minas, segundo maior colégio eleitoral do País, a situação ainda está indefinida. Os mineiros resistiam a conceder o tempo de TV para Serra, alegando que o pré-candidato mineiro, o governador Antônio Anastasia, precisaria do espaço para impulsionar a tentativa de reeleição.

A exposição na televisão e na mídia regional é a principal aposta que o PSDB faz para reverter as últimas pesquisas de intenção de voto, que apontaram empate entre Serra e a pré-candidata do PT, Dilma Rousseff. Para os tucanos, a petista cresceu nas pesquisas em razão da aparição excessiva na mídia recentemente.

“Mês de junho vamos levar vantagem. Vamos concentrar os programas de rádio e TV do partido e dos aliados”, disse o presidente do PSDB, Sérgio Guerra.

O DEM e o PPS, que tem programas na próxima semana e no dia 10 de junho, respectivamente, também resolveram usar parte das programações nacionais em cadeia de rádio e TV, para expor Serra. Nos dois casos, as aparições devem ser imagens do tucano durante o encontro nacional do PSDB, em 10 de abril.

Clique aqui para ler a íntegra no site do Estadão

Comentários

Related posts

Maluf é condenado por compra superfaturada de frangos

Destaques dos jornais de hoje – Jornal do Brasil

Em palanques diferentes, Serra critica governo Lula, e Dilma, o de FHC

Leave a Comment