Blog do Pannunzio

Presidente do DEM diz que partido não cogita ceder vaga de vice de Serra

Márcio Falcão

O presidente nacional do DEM, Rodrigo Maia (RJ), afirmou nesta quarta-feira que o partido espera indicar o candidato a vice na chapa do tucano José Serra à Presidência da República. Após reunião com o presidente do PSDB, Sérgio Guerra (PE), Maia disse que a definição do nome, contudo, só sairá no final deste mês.

Os democratas realizam sua convenção no dia 30. Para líderes do DEM, a demora de Serra na definição do candidato a vice pode ser uma forma de atrair o PP, que flerta com a presidenciável do PT, Dilma Rousseff.

“Ninguém nunca disse para o DEM que não indicaria o vice. Essa frase nunca foi dita por ninguém do PSDB. Nós só abriríamos mão da vaga se o vice fosse Aécio Neves [ex-governador de Minas Gerais]. Superada essa etapa, o próximo passo é que a vaga é do DEM. Nós até fizemos mais esforço do que o PSDB, para o Aécio ser o vice”, disse.

Questionado sobre qual seria o caminho do partido caso Serra não opte por um democrata na chapa, Maia disse que não cogita essa possibilidade. “Ele não fará isso. Ele é um dos homens mais inteligentes do Brasil. Não temos qualquer problema com nossos aliados”, disse.

Maia afirmou ainda que o DEM tem feito “todo esforço possível” para que Serra seja eleito, atuando para resolver impasses estaduais. “A vice não é questão de troca, é um caminho natural. Nós resolvemos a situação no Espírito Santo, em Tocantins, no Rio de Janeiro, nós fizemos todos os gestos necessários porque entendemos que só temos um caminho que é o Serra presidente”, disse.

Clique aqui para ler a íntegra no site da Folha

Comentários

Related posts

Supremo nega liminar e mantém inquérito no STJ sobre esquema de corrupção no DF

Sarney relembra morte de Getúlio Vargas

Fábio Pannunzio

Agenda da programação de hoje do #foraarrudaemafia

Leave a Comment