Blog do Pannunzio

CGU aponta R$ 143,4 mi em repasses federais irregulares no DF

Rafael Moraes Moura

A Controladoria-Geral da União (CGU) encontrou indícios de irregularidades que chegam a pelo menos R$ 143,4 milhões nos repasses federais ao governo do Distrito Federal, realizados entre 2006 e 2009. Segundo a CGU, o GDF contou, durante esse período, com aproximadamente R$ 66,6 bilhões, entre recursos próprios (R$ 35,1 bilhões), transferências da União (R$ 2,1 bilhões), Fundeb (R$ 3,9 bilhões) e Fundo Constitucional do Distrito Federal (R$ 25,5 bilhões).

Entre os indícios de irregularidades estão pagamentos indevidos, superfaturamento, contratações desnecessárias, favorecimento no julgamento de licitações e restrições à competitividade.

De acordo com o relatório da CGU, dos R$ 51,5 milhões referentes a pagamentos indevidos, R$ 40 milhões são de “servidores não pertencentes à carreira da Polícia Civil do DF, que estão recebendo indevidamente a remuneração com recursos do FCDF (Fundo Constitucional do Distrito Federal)”.

Dos casos de superfaturamento, aponta o relatório de auditoria, “mais de R$ 22 milhões são referentes a obras executadas com recursos transferidos pelos Ministérios das Cidades, dos Transportes e da Integração Nacional”.

Os indícios de irregularidades envolvem, por exemplo, iniciativas de urbanização de favelas e a expansão do metrô.

Clique aqui para ler a íntegra no site do Estadão

Comentários

Related posts

Denúncias de grilagem levantam suspeitas de ex-prefeito e outras cinco pessoas

Sanção ou Sansão?

Caso Goldman: amparado em decisões do STF, Gilmar Mendes cassa liminar e determina entrega de menor ao pai

Fábio Pannunzio

Leave a Comment