Blog do Pannunzio

Reforma no Palácio do Planalto corre risco de ser embargada

Com informações da Revista Isto é.

 

O edifício símbolo do poder presidencial está em reforma há apenas um mês e já virou alvo de ações judiciais por causa de um pedido de crédito suplementar de mais de R$ 118 milhões. Agora, as obras no Palácio do Planalto correm o risco de ser paralisadas pelo Tribunal de Contas da União. Parte da construção foi embargada pelo Governo do Distrito Federal. A alegação é a de que o terreno do estacionamento é de propriedade pública. A empreiteira Porto Belo abriu uma cratera para construir uma garagem de dois pavimentos, com garagens subterrâneas. Mas o  receio de que a reforma descaracterize o conjunto urbanístico da cidade fez com que o Ministério Público instaurasse um inquérito.

Para ler esta notícia na íntegra, basta clicar aqui.

Comentários

Related posts

Mercadante quer que pontos polêmicos da reforma eleitoral sejam votados hoje

Senadores repudiam cerco policial à embaixada do Brasil em Honduras

MP-DF liga procurador-geral de Justiça a mensalão

Leave a Comment