O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, descartou que a recente alta dos preços do petróleo, resultado da intensificação dos protestos antirregime na Líbia...

O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, descartou que a recente alta dos preços do petróleo, resultado da intensificação dos protestos antirregime na Líbia se reflita em aumento de preços para o consumidor brasileiro.

A instabilidade no país, membro da Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) e detentor das maiores reservas de petróleo comprovadas, fez a cotação do barril Brent alcançar ontem em Londres US$ 105,74 – o mais alto valor desde 2008.

Gabrielli classificou o cenário internacional como volátil, mas disse que não há razões estruturais para os preços se manterem em patamar tão alto. “Não vamos repassar para o mercado brasileiro a volatilidade internacional.”

via Folha de S.Paulo – Petrobras descarta alta de preços no Brasil – 23/02/2011.



Sem comentários ainda.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *