Pannunzio Comunicação – Blog do Pannunzio

Jornalista diz ter recebido R$ 40 mil de Perillo

O jornalista Luiz Carlos Bordoni afirmou ontem ter recebido um pagamento de R$ 40 mil, em dinheiro vivo, das mãos do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB).

Bordoni diz que a quantia saiu de uma empresa do grupo de Carlinhos Cachoeira e se refere à primeira parcela do pagamento por serviços que ele prestou na campanha do tucano ao governo de Goiás, em 2010.

“Em dinheiro. Das mãos dele [Marconi Perillo, no escritório político dele em Goiânia]”, afirmou o jornalista, em entrevista ao “Jornal do SBT”. “Não sei se ele declarou, só sei que eu recebi.”

O governador de Goiás é alvo da CPI do Cachoeira, que investiga sua relação e a de seu governo com o empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, preso desde fevereiro sob acusação de liderar um esquema de corrupção e de exploração de jogos ilegais.

Integrantes da Comissão querem convocar Bordoni. Perillo, que irá depor na semana que vem, nega ter relações próximas com Cachoeira e diz que as declarações do jornalista são “irresponsáveis”. A Folha tentou ontem falar com o jornalista, mas não conseguiu.

TESTEMUNHAS

Ao SBT Bordoni disse que o encontro com Marconi Perillo foi presenciado por outras pessoas.

“Ele [Perillo] me chamou pro fundo, na copa, atrás da mesa dele, e me passou o dinheiro”, afirmou.

Bordoni diz que trabalhou na campanha de rádio do tucano por R$ 170 mil.

Anteriormente, ele havia afirmado ter recebido R$ 45 mil da conta da empresa Alberto e Pantoja, que, segundo a Policia Federal, é uma firma de fachada utilizada pela organização de Cachoeira apenas para receber dinheiro da Delta Construções.

A empreiteira é suspeita de ter se beneficiado das relações com Cachoeira e ontem recorreu à Justiça para tentar evitar falência.

A quebra de sigilo da Pantoja mostra um pagamento de R$ 45 mil em abril do ano passado feito na conta bancária da filha de Bordoni.

O jornalista diz que resolveu se manifestar após o nome de sua filha ter sido citado durante o depoimento do senador Demóstenes Torres (GO) ao Conselho de Ética do Senado. O senador Pedro Taques questionou sobre o pagamento feito pela Pantoja à filha de Bordoni.

PROCESSO

As novas declarações de Bordoni foram feitas um dia depois de o governo de Goiás afirmar que os advogados de Perillo irão processá-lo.

À Justiça Eleitoral a campanha de Perillo diz que pagou cerca de R$ 33 mil à Art Midi, empresa que Bordoni se associou para trabalhar na campanha do governador.

A assessoria de Perillo nega irregularidades na relação com o jornalista e afirma que todos os pagamentos foram feitos dentro da lei.

Beba na fonte: Folha de S.Paulo – Poder – Jornalista diz ter recebido R$ 40 mil de Perillo – 05/06/2012.

Share the Post:

Join Our Newsletter