Pannunzio Comunicação – Blog do Pannunzio

Transferir Arruda para penitenciária seria requinte de crueldade, diz advogado

Agência Brasil

O advogado Nélio Machado, responsável pela defesa do governador cassado do Distrito Federal, José Roberto Arruda, disse hoje (18) que não há justificativas para que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) decida pela transferência do seu cliente para o Complexo Penitenciário da Papuda. Segundo ele, essa seria uma atitude com requinte de crueldade. O advogado confirmou que pretende usar a saúde de Arruda como argumento para conseguir a prisão domiciliar dele.

“Não há justificativas [para que Arruda seja encaminhado à Papuda], a não ser que isso faça parte de um saco de maldades com requinte de crueldade”, disse em entrevista à Agência Brasil. “Não acredito que o procurador-geral da república [Roberto Gurgel] vá fazer isso”, completou.

Machado destacou que usou a saúde do governador e a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para argumentar que a prisão é desnecessária.

“O quadro de saúde dele é real. Eu não pretendia pedir sua prisão domiciliar [sob esse pretexto]. Mas depois de tomar conhecimento sobre os seus problemas de saúde julgamos necessário oferecer pedido alternativo ao tribunal, para que ele possa ter sua recuperação em um ambiente mais adequado”, afirmou.

O advogado disse ainda que teve acesso a exames realizados pelo ex-governador há um ano mostrando que ele não apresentava problema arterial. “Ele agora fará outros exames para definir a extensão das medidas que serão tomadas.”

Clique aqui para ler a íntegra no site do Correio

Share the Post:

Join Our Newsletter